Skip to content

TI para Negócios

Como fazer a tecnologia trabalhar pelo seu sucesso e da sua empresa

Archive

Category: Tecnologia

A HID Global®, líder mundial em soluções confiáveis de identidade, expande a sua atuação no mercado de biometria no Brasil. Os sensores biométricos da Lumidigm®, da HID Global, são usados atualmente em bancos, varejo e instituições financeiras, e, recentemente, ampliando a sua abordagem comercial, a companhia passa a fornecer uma solução de impressão digital em agências governamentais, que exigem maior segurança e usabilidade.

“A fraude no setor público pode gerar milhões de reais pagos a funcionários que estavam ausentes de seus empregos, mas presentes no sistema de monitoramento de tempo de trabalho”, explicou Juan Carlos Tejedor, diretor de vendas de soluções biométricas para a América Latina da HID Global.

Mas esse não é o único desafio enfrentado pela administração pública no Brasil. Outro gargalo é a fraude do pagamento de benefícios para a população idosa. Esse é um problema que afeta milhões de brasileiros e para ampliar a discussão sobre o tema, Juan Carlos ministra uma palestra no dia 22/08, na Biometrics HITech Summit 2018, principal evento especializado em biometria e identificação humana do país.

Na palestra, o executivo focará em demonstrar que tecnologias robustas de identificação podem evitar fraudes no sistema de pagamento de pensionistas e aposentados. “Além da redução de fraudes, a doção de biometria permite ao governo oferecer melhores serviços para a população”, ressalta Tejedor. Durante o evento, a HID Global vai apresentar a sua linha de sensores Lumidigm®, entre eles: V30x, V40x, M32x e V371. O portfólio de sensores de impressão digital da HID está presente em mais de dois bilhões de transações ATM em todo o mundo e é ideal para aplicações em intuições financeiras, onde os requisitos de segurança são um ponto critico para os bancos.

Biometria transforma o setor financeiro

Em parceria com a Recognition, empresa brasileira especialista em automação bancária, a HID Global fornece uma solução de totem de autoatendimento com depósito de cheques sem envelope. O TCR (Totem de Captura Remota) faz parte de um novo conceito de produto chamado ‘ATM Cash Less’, que fornece todos os serviços integrados ao sistema das agências, com exceção do saque no caixa.

Os sensores da Lumidigm®, da HID Global, fornecem uma experiência altamente intuitiva para os correntistas, melhorando a conveniência ao fazer interface com o banco, além de aumentar significativamente a segurança no ambiente bancário. Atualmente, mais de 115 mil sensores de impressões digitais multiespectrais são implantados no Brasil para proteger bilhões de transações de caixas eletrônicos por ano, com quase 80% dos caixas eletrônicos do país usados ​​por mais de 85 milhões de usuários. A HID Global vai apresentar suas soluções biométricas no evento Biometrics HITech, que acontece de 21 a 23 de agosto, em São Paulo.

Cada dia mais pessoas estão optando por dispositivos práticos na instalação, que tragam independência no gerenciamento e que ofereçam segurança ao usuário! A D-Link lança três opções de câmeras IP (DCS-8000LH, DCS-8010LH e DCS-8300LH) de fácil instalação e com excelentes características de monitoramento.

Os dispositivos são integrados ao novo aplicativo mydlink, que possui a função de gravação de imagens na nuvem que podem ser acessadas do próprio celular, em tempo real ou em até 30 dias, dependendo do plano escolhido.

O mydlink permite a supervisão de residências, pequenos escritórios, consultórios e comércios.

Instalação

Para a instalação, basta plugar as câmeras na tomada e conectá-las na rede WI-FI. A configuração é realizada pelo aplicativo mydlink, disponibilizado em smartphones pela Play Store.

A partir daí, é possível capturar quase todo o ambiente com uma visão de 120º. Depois da instalação, as imagens podem ser assistidas ao vivo e posteriormente no aplicativo, que disponibiliza as gravações por no mínimo 24 horas na nuvem e, quando desejado, podem ser salvas no aparelho e na rede, sem riscos de perder os conteúdos gravados.

Na sequência, o usuário habilita a gravação em nuvem e passa a acompanhar todos os eventos detectados por intermédio do sensor de movimento e áudio, que serão armazenados automaticamente na internet, em uma conta no aplicativo mydlink. Os dispositivos também são integrados ao Google Assistent e ao Amazon Echo/Alexa.

“A tecnologia existe para facilitar a vida das pessoas. Conforme ocorre o aprimoramento, mais fácil para o usuário comum instalar e aproveitar dos benefícios de dispositivos que antes eram de difícil gerenciamento. Nossas câmeras chegam ao mercado brasileiro com a intenção de colaborar ainda mais com a democratização da tecnologia. São extremamente fáceis de instalar e de acompanhar com o aplicativo mydlink”, explica Rodrigo Paiva, gerente de produtos da D-Link.

O escopo de atuação das câmeras da D-Link vai além da necessidade e o desejo de evitar assaltos. Com os novos dispositivos, os usuários podem monitorar seus filhos, idosos e cuidadores, pets e pet sitters, pessoas que trabalham na casa, entre outros. Com o aplicativo mydlink, tem-se acesso em tempo real ao que acontece em suas casas, pequenos comércios, consultórios e outros ambientes. O mydlink possibilita monitoramento de até 10 câmeras (dependendo da opção do plano) ao mesmo tempo, ou seja, oferece um verdadeiro circuito interno independente, criado e gerenciado pelo próprio usuário.

Aplicativo mydlink

Com o aplicativo mydlink, a gravação pode ser personalizada por disparo de movimentos ou sons captados pela câmera; as imagens são organizadas por turnos e podem ser acessadas a qualquer hora e lugar. É possível também agendar o horário de cada atividade por tempo indeterminado. O mydlink possibilita o controle perfeito sobre o que acontece no ambiente inteligente e contempla também o universo futurista das casas conectadas.

A linha do tempo, umas das funções do aplicativo, fornece um registro preciso de tudo o que aconteceu, basta reproduzir o clipe e a hora exata é exibida. Além disso, disponibiliza a função que permite criar atalhos personalizados no aplicativo.

Com design atualizado, mais intuitivo e de interface amigável, o novo aplicativo mydlink™ oferece funções de automação e integração que facilitam o dia a dia, além de fornecer economia de energia, segurança e alertas sobre o que está ocorrendo nas casas – principalmente quando o usuário está ausente.

Características

Todas as novas câmeras da D-Link possuem resolução HD720p, ângulo de gravação de 120º, visão noturna e detecção de áudio e vídeo. Os modelos 8010LH e 8300LH também contam com entrada micro-sd para gravação no próprio dispositivo. O modelo 8300LH também oferece audio Two-Way, que permite que o usuário fale por intermédio do aplicativo e que o som saia pela câmera, o que a habilita para atuar em algumas ações de babá eletrônica, alto-falante etc.

Câmeras IP

● DCS-8000LH- Mini Câmera Wi-Fi HD

➢ HD720p

➢ 120º

➢ Visão Noturna

➢ Detecção de Vídeo/Áudio

● DCS-8010LH-Câmera Wi-Fi HD

➢ HD720p

➢ 120º

➢ Visão Noturna

➢ Detecção de Vídeo/Áudio

➢ Entrada micro-sd

● DCS-8300LH- Câmera Wi-Fi HD

➢ HD1080p

➢ 130º

➢ Visão Noturna

➢ Detecção de Vídeo/Áudio

➢ Áudio Two-Way- permite além de ouvir também falar pelas câmeras, podendo assim ser usadas como: babá eletrônica, alto-falante etc.

➢ Entrada micro-sd

Diferenciais

● Fácil instalação – não requer técnicos e custos adicionais

● Multi-View

● One Tap- função que permite criar atalhos personalizados no aplicativo

● Programação de ações

● Não há necessidade de gravadores (DVR) dedicados

● Único aplicativo mydlink gratuito que instala e gerencia as câmeras

● Não requer fidelização, permitindo o cancelamento do serviço

● Cloud Recording- gravação em nuvem

● IoT- É possível a automação das funções dos dispositivos, utilizando o aplicativo mydlink

A DataRobot, pioneira em Machine Learning automatizada, anuncia o início de suas operações no Brasil. Fundada em 2012 pelo brasileiro Tom de Godoy e pelo americano Jeremy Achin, a empresa criou uma plataforma de software poderosa, que explora dados e aprende com eles, automatiza a criação de modelos de machine learning com precisão em uma fração do tempo utilizado pelos métodos tradicionais, criando um ranking dos melhores modelos baseados em algoritmos.

Por meio dessa plataforma é possível predizer — com bastante acurácia — se o estoque provisionado atenderá a demanda, além de prevenir e detectar fraudes em seguros e em transações bancárias, automatizar análises de crédito baseadas em dados históricos, ou seja, toda e qualquer análise de predição, que traga ganhos de competitividade e resolva desafios de negócios para as empresas. Os clientes da DataRobot Cloud já construíram mais de 600 milhões de modelos de machine learning, excluindo deste número os clientes da DataRobot Enterprise.

É o caso da Monsanto, cliente da DataRobot nos Estados Unidos. A empresa de agronegócios, que desenvolve produtos, tecnologias e ferramentas digitais para auxiliar agricultores de todo o mundo a cultivar com mais eficiência, utiliza o software para desenvolver suas atividades relacionadas à inteligência artificial (IA). O objetivo é melhorar o processamento de dados com modelos de análise automatizada e preditiva, a fim de obter insights sobre os principais negócios da empresa, incluindo pesquisa e desenvolvimento, cadeia de suprimentos e vendas.

“A complexidade da agricultura aumentou nos últimos anos e a IA se tornou crítica para a contínua transformação do setor e da própria Monsanto”, diz Naveen Singla, Líder de Analytics da empresa de agronegócio. Segundo Anthony Randall, líder de alianças estratégicas digitais da Monsanto, “o software é fácil de usar e as conclusões são claras, o que deve impactar positivamente a nossa organização”.

Em meio à abundância de dados – com o uso de Big Data e a facilidade propiciada pelo ambiente de Cloud -, as empresas estão buscando cada vez mais utilizar esses recursos para obter análises e insights que lhes tragam resultados positivos. “É o que chamamos de Data Analytics. Com a evolução das análises e a necessidade de tornar os processos mais proativos, a IA, por meio do machine learning, desponta com uma das principais soluções para entregar valor aos negócios”, afirma Godoy, um dos fundadores da DataRobot.

Desde a sua fundação, a DataRobot recebeu aportes que somam mais de US$ 125 milhões e agora está presente em todos os continentes. Atualmente conta com 400 funcionários, sendo que, desse total, mais de 150 são cientistas de dados e engenheiros que estão entre os melhores do mundo, de acordo com o ranking elaborado pela Kaggle, plataforma de competição de ciência e análise de dados.

Segundo Godoy, há um gap no mercado pela falta de cientista de dados com conhecimento e experiência necessários para suprir a demanda por soluções de machine learning. “Com a plataforma é possível resolver esta questão e, ainda, obter resultados mais rapidamente do que se a análise fosse feita manualmente”, diz Godoy.
A DataRobot chega ao mercado brasileiro no momento certo, em que as pessoas e empresas procuram direcionar iniciativas de IA. “Elas entendem que estão dando um passo à frente com IA para resolver questões cruciais para as companhias”, afirma Marcos Hayashi, country manager da DataRobot no Brasil.