Skip to content

TI para Negócios

Como fazer a tecnologia trabalhar pelo seu sucesso e da sua empresa

Archive

Category: Negócios

A Symantec, empresa que atua no mercado de segurança da informação anuncia, PartnerNet, o novo portal para parceiros. Com novo design e melhor navegabilidade, o portal oferece um espaço moderno e intuitivo que agrega programas, treinamentos e ferramentas concentrando informações que auxiliarão os parceiros a gerenciar e desenvolver novos negócios com a Symantec. A nova versão traz funcionalidades que ajudarão a impulsionar o programa de canais da empresa, lançado em outubro de 2017.

“O novo PartnerNET tem como objetivo fornecer ferramentas capazes de promover e facilitar os negócios de nossos parceiros com a Symantec, sendo um ponto de apoio importante na atualização de nossas soluções, programas de incentivos, promoções, campanhas de marketing e novidades nos processos de venda de nossos produtos e serviços. Além disso, usar de uma ferramenta única para integrar negócios e informação cria uma proximidade maior com nossos clientes e isso reforça nosso compromisso com o mercado e com a segurança da informação”, afirma Mauro Capellão, Diretor de Canais da Symantec para América Latina.

Os novos conteúdos e funcionalidades, além do Português, Inglês e Espanhol, também estão disponíveis nos seguintes idiomas – Francês, Italiano, Alemão, Chinês (simplificado), Chinês (tradicional), Coreano e Japonês, garantindo uma experiência simples e unificada. Além disso, com apenas um login, o parceiro poderá ter acesso a todas as suas aplicações Symantec de forma segura, incluindo: MySymantec, MySupport, PartnerNet, Symantec Licensing Portal, Customer Care e Symantec Connect.

A pesquisa Frost & Sullivan, Brazilian IT Outsourcing Market, Forecast to 2021, esclarece os impactos das recentes inovações tecnológicas, cenário de negócios e economia que podem impulsionar ou restringir a adoção do modelo de terceirização. Atualmente o segmento de terceirização de serviços de TI corresponde a 48,5% da indústria de TI no Brasil; e espera-se atingir $US 7,96 bilhões até o ano de 2021, enquanto atingiu US $ 6,68 bilhões no ano de 2016.

O cenário econômico brasileiro influenciou o desempenho do mercado de serviços, e forçou as companhias a reduzir os gastos, focar na manutenção da operação e aumentar a eficiência. Como resultado, o negócio passou dos serviços de TI tradicionais para novas plataformas e tecnologias que oferecem uma implementação mais rápida a preços mais competitivos.

“Investimentos de TI foram dirigidos principalmente a soluções em Cloud, como a SaaS, afim de reduzir investimentos na aquisição de hardware e software, enquanto otimizam a infraestrutura, adaptando a capacidade de processamento para a demanda”, expõe Renato Rosa, Information & Communications Technology Program Manager na Frost & Sullivan.

O estudo revelou que:
À medida que as soluções em Cloud se aprofundam, as empresas têm dificuldade em gerenciar seus serviços em Cloud, muitas vezes oferecidos por vários fornecedores. Desta forma, as empresas de TI têm como objetivo servir de Cloud Brokers ou cloud management providers. As empresas de TI também têm a oportunidade de ajudar as empresas no gerenciando dos Data Centers;
O setor Financeiro é ainda o maior segmento de investimentos em TI e está começando a aderir o modelo em Cloud;
Application Management é a linha de serviços com o crescimento mais acentuado. Isso decorre da necessidade das empresas em ter uma melhor compreensão e controle dos processos de negócios;
Provedores de TI têm encontrado novas oportunidades na diversificação do seu portfólio e adicionado empresas do segmento PME como público alvo afim de aumentar sua receita.

“Para os próximos anos, muitas empresas precisarão revisar sua infraestrutura de negócios e estarão à procura de provedores que tenham serviços de TI alinhados às suas necessidades comercias,” conclui Renato Rosa.

A SAP Brasil anuncia os resultados financeiros consolidados do ano fiscal de 2017. A subsidiária brasileira registrou um crescimento de dois dígitos, em comparação com o ano anterior, da receita total das vendas de soluções em nuvem. Esta carteira mais que dobrou de tamanho no país em 2 anos. O destaque no ano passado foi o considerável aumento dos contratos firmados com as pequenas e médias empresas.

“O crescimento contínuo da adoção de soluções em nuvem, particularmente alto este ano, é um indicador muito positivo da maturidade do mercado. As empresas brasileiras já entenderam que precisam digitalizar suas operações para continuar crescendo, mas acima de tudo, para continuarem competitivas, não importa em que segmento estão ou que tamanho tenham”, afirma Cristina Palmaka, presidente da SAP Brasil.

Outra solução de relevância para os resultados do ano foi o SAP S/4HANA, pacote de gestão de recursos empresariais em tempo real para negócios digitais, que utiliza todo o potencial da plataforma HANA. A solução on premise (por venda de licenças) manteve sua trajetória constante de crescimento de vendas, registrando um aumento de dois dígitos sobre o ano anterior.

“A estratégia da SAP vai continuar privilegiando a oferta de uma plataforma de gestão simples, que ajude os clientes a se tornarem produtivos e competitivos e que impulsione seus negócios com soluções que atendam exatamente suas necessidades”, destaca Cristina Palmaka.

Novos clientes adotam a plataforma SAP Cloud

Entre os clientes que elegeram, em 2017, a plataforma SAP Cloud, está a Natura Cosméticos S/A, maior fabricante brasileiro de cosméticos, com 6.400 funcionários e uma rede de 1,8 milhões de consultores em oito países. O objetivo é aprimorar sua complexa cadeia de canais de vendas que inclui lojas, vendas online e diretas com a captura digital de informações de rastreamento de pedidos.

Outro nome de destaque que passou a integrar o portfólio de clientes da SAP, desta vez no segmento de varejo, foi o Makro, atacadista do grupo holandês SHV, que opera no Brasil, Argentina, Colômbia, Peru e Venezuela. Para substituir sistemas internos, a companhia, responsável pela comercialização de grandes volumes de alimentos e produtos não-alimentícios a preços baixos para clientes profissionais, optou por soluções SAP Hybris buscando realizar campanhas específicas, implementar programas de fidelidade e apoiar equipes internas para analisar hábitos de compras de seus clientes.

Também apresentaram resultados expressivos de vendas, com crescimento de dois dígitos no ano, as soluções de gestão de capital humano, SAP SuccessFactors; de e-commerce Hybris e da plataforma HEC – SAP HANA Enterprise Cloud, que permite a transição de aplicações on premise para um ambiente de nuvem, com processamento em tempo real. No que se refere aos mercados que mais contribuíram para o crescimento da empresa, vale ressaltar os de Seguros, Varejo e Produtos de Consumo.

Nuvem também se destaca na América Latina

Na região, a SAP continua conquistando bons resultados com seu portfólio para a nuvem. Em dois anos, a empresa duplicou seu negócio nesse segmento. Em 2017, o crescimento na região foi de dois dígitos, liderado pelo desempenho do Brasil. O destaque especial foi a velocidade de adoção pelas empresas, principalmente durante o último trimestre do ano, de soluções de comércio digital SAP Hybris.

A receita de vendas de soluções on premise também cresceu. No último trimestre fiscal de 2017, aumentaram dois dígitos, impulsionadas por SAP HANA.

Globalmente, a SAP apresentou um crescimento de 8% na receita com vendas de softwares e aplicações em nuvem.